Amazônia Vital completa 10 anos no mercado da moda

Há 10 anos no mercado da moda, a Amazônia Vital trouxe uma nova proposta para o segmento: a diversidade cultural. Hoje a empresa é referência e tem se destacado pela variedade de roupas femininas, que refletem as diversas matérias primas da natureza.
A história de empreendedorismo da Amazônia Vital teve início em 2009, quando foi inaugurada a primeira loja em São Paulo, no bairro Itaim Bibi. Com confecção própria, as peças logo atraíram o público feminino. Hoje a marca tem unidades no shopping Butantã, Granja Viana, Campinas, Indaiatuba e Vargem Grande, além de participar de marketplaces como a Dafiti.

“Sempre tive o desejo de trabalhar com a arte brasileira, foi então que iniciei viagens para os quatro cantos do Brasil para trazer essas artes. A ideia surgiu com o objetivo de resgatar nossas origens e dar destaque ao povo brasileiro, mostrar que nós também temos talento. Então comecei com artesanato indígena, capim dourado dos Quilombolas do Jalapão, associações de artesãos de diversos estados brasileiros, especialmente do Acre e Mato Grosso. Hoje, temos mais de 50 colaboradores. E o sucesso está em todos nós juntos”, explica diretora comercial da Amazônia Vital, Kelly Cristina Mendes de Souza.

A equipe é composta por estilista, modelista, cortador, piloteira, além das vendedoras. Suas roupas refletem as diversas matérias, no fio que tece o conforto, na estampa que grita a brasilidade, no caimento que traz elegância e casualidade. Segundo a equipe, a marca é a cara do Brasil: “somos a Amazônia Vital, única em sua biodiversidade. Criamos nas diferenças, costuramos nas divergências, alinhavamos na arte de bem vestir”.

As confecções estão instaladas em Vargem Grande Paulista e Campinas. Já as peças artesanais vêm de diversas regiões do Brasil e do mundo. A expansão é uma constante na empresa, que está sempre buscando oportunidades de levar a marca para novos mercados.
Na Amazônia Vital as clientes encontram desde a moda casual com muita assimetria, ao básico fora do comum. As peças se destacam pela alegria das estampas, leveza e conforto dos tecidos, bem como elegância dos modelos.

O nome Amazônia representa para a equipe a beleza da diversidade que a floresta amazônica tem, e traduz o desejo de viver em uma sociedade que aceita a diversidade humana. “Somos uma empresa inclusiva, respeitamos as diferenças, incentivamos as diversidades e qualidades de cada um, o desabrochar dos talentos que pertence a todos nós. Buscamos o novo sem excluir o velho”, diz a equipe.

Para a equipe da Amazônia, as clientes são peças essenciais que inspiram sempre e contribuem para o crescimento da empresa. O lema da equipe é: “SER O QUE SE QUER SER É A NOSSA TROPICALIDADE. O novo, o velho, o rústico, o clássico, o contemporâneo e o popular se misturam numa linguagem física e emocional riquíssima, nossas roupas refletem isso: nas diversas matérias, no fio que tece o conforto, na estampa que grita a nossa brasilidade, no caimento que traz elegância e casualidade. Somos a cara do Brasil, somos a Amazônia Vital, única em sua biodiversidade. Criamos nas diferenças, costuramos nas divergências, alinhavamos na arte de bem vestir! Seja o Brasil, vista Amazônia Vital”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fique por dentro de todas
novidades da ACE VGP

ao se inscrever na newsletter você aceita nossos termos e condições